Vírus é capaz de burlar sistemas de SMS para atacar contas bancárias

Com nova versão de vírus SpyEye, crackers conseguem burlar sistemas de segurança e fraudar transações bancárias.
  • Visualizações4.362 visualizações
Por Renan Hamann em 7 de Outubro de 2011

Vírus é capaz de burlar sistemas de SMS para atacar contas bancárias

Uma das formas criadas pelos bancos para evitar que usuários mal-intencionados pudessem roubar dinheiro das contas de seus clientes foi o sistema de SMS para confirmação de transações. Com isso, movimentações financeiras precisariam ser confirmadas antes de serem concretizadas, evitando fraudes e prejuízos (principalmente em acessos via internet).

Agora, isso já não é mais tão seguro. Um dos vírus mais perigosos da atualidade chama-se SpyEye e foi criado especialmente para roubar dados bancários. Até pouco tempo atrás, o malware era barrado por sistemas de confirmação por SMS, mas com as últimas atualizações da praga virtual, nem mesmo esses sistemas são suficientes.

Utilizando a nova versão do SpyEye, os crackers conseguiram adulterar os cadastros nas contas bancárias, fazendo com que os telefones de confirmação direcionem para seus próprios terminais. Com isso, basta confirmar as transações para que as fraudes sejam concluídas. 



Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Colabore com o autor clicando aqui!