O diretor criativo da Ubisoft responsável por Far Cry 4, Alex Hutchinson, deve estar rindo à toa enquanto lê algumas postagens nos fórum especializados ou no próprio mural da desenvolvedora. Isso porque ele deixou um pequeno "presente" para quem foi folgado e não comprou uma cópia original do game para PC e decidiu baixar uma versão crackeada ou comprar do camelô mais próximo.

Aparentemente, as cópias piratas de Far Cry 4 que ainda não têm o primeiro patch também pirateado possuem problemas propositais nas configurações do campo de visão (field of view, ou FoV) — ou seja, o jogo apresenta problemas técnicos graves nessa área se não for original, graças a uma espécie de "trava de confirmação" que avalia se o game foi comprado legalmente ou não. A detecção é feita pelo sistema online Uplay.

Hutchinson ainda foi tirar sarro disso no Twitter: "Jogadores de PC! Se você está online reclamando da falta de controle do campo de visão... Você pirateou o jogo", escreveu o diretor.

Muitas pessoas insatisfeitas reclamaram de outros problemas técnicos e receberam um "atualize seus drivers" como resposta. Outros acusaram a Ubisoft de "não dar a mínima" para jogadores de PC e foram ignorados pelo executivo.

Via BJ