A Activision Blizzard é uma das grandes produtoras e distribuidora de jogos da atualidade e não está para brincadeiras quando o assunto é dinheiro. Hoje, a empresa comprou a King, criadora do Candy Crush, por “míseros” US$ 5,9 bilhões (cerca de R$ 23 bilhões), tornando-a parte do acervo da companhia.

Agora, a gigante dos games detém as franquias mais rentáveis em todas as plataformas: seja o icônico Call of Duty para consoles, o lendário World of Warcraft para PC ou, agora, o extremamente popular Candy Crush, que está presente em uma parcela enorme de smartphones e tablets, tanto de Android, iOS ou Windows Phone.

Com esta fusão, a receita da empresa deve bater a marca de US$ 6,25 bilhões (quase R$ 25 bilhões), a tornado a companhia de jogos dos Estados Unidos. Apesar das alterações, nada deve mudar para a King, que continua independente.

Você acha que a compra da King pela Activision foi uma boa ideia? Comente no Fórum do TecMundo

No total, a Activision Blizzard soma mais de 500 milhões de jogadores, incluindo de jogos como World of Warcraft, Call of Duty, Diablo, Destiny, StarCraft, Hearthstone e, agora, Candy Crush. Certamente, a fusão pode ter sido cara, mas em breve a empresa vai colher os lucros absurdos de um dos maiores sucessos do mundo mobile.