Questão respondida

wandrew Descolado

amigos o que é chip 7? tava lendo o manual da placa mae mais ela nao dizia o que era ..vcs podem me explicar??

1 em 9/12/2009 às 15:16h

Questão respondida

Respostas

Mostrando de 1 a 2 de 2 respostas encontradas (0.281 segundos)

Melhor Resposta

1Antonio Pereira em 9/12/2009 às 15:28h

Olá Wandrew

De uma forma geral, um chipset (anglicismo que significa grupo de chips) é o cérebro de uma placa de circuitos.

Na informática, é o cérebro da placa mãe, se dividindo entre "ponte norte" (north bridge, controlador central) e "ponte sul" (south bridge, controlador de periféricos). A ponte norte faz a comunicação do processador com as memórias, e em alguns casos com os barramentos de alta velocidade AGP e PCI Express. Já a ponte sul, abriga os controladores de HDs (ATA/IDE e SATA), portas USB, paralela, PS/2, ******, os barramentos PCI e ISA.

Muitas vezes, como em algumas implementações de controladores para processadores AMD K8 (Athlon 64 e Athlon X2, nos quais o controlador de memória está embutido no processador), as duas pontes (bridges) são substituídas por um único chip, o que reduz custos para os fabricantes.

Chipset é o nome que damos ao conjunto de circuitos de apoio utilizados na placa-mãe. Há diversos fabricantes de chipsets no mundo, como a Intel, a VIA Technologies, a SiS, a ALi, a OPTi, etc. O chipset é quem define, entre outras coisas, a quantidade máxima de memória RAM que uma placa-mãe pode ter, o tipo de memória que pode ser usada (SDRAM, DDR-SDRAM, Rambus, etc.) e o padrão de discos rígidos aceitos (UDMA/33, UDMA/66, etc.).

Algumas pessoas desconhecem, mas placa-mãe tem marca. As marcas de placa-mãe mais conhecidas são Asus, ASRock, Abit, Soyo, Epox, Zida/Tomato, Pcchips, QDI, ECS, FIC, Tyan, Biostar, Soltek, Phitronics, Gigabyte, entre outras. É muito comum confundir a marca da placa-mãe com a marca do chipset. Por exemplo, pelo fato de uma placa-mãe usar chipset SiS, isto não significa que a placa foi produzida por essa empresa, pois a SiS fabrica apenas os circuitos usados por motherboards, mas não fabrica placas.

Muitas vezes, ocorre de nos depararmos com placas aparentemente “sem marca” sendo vendidas no Mercado. Na realidade, estas placas têm marca, sim, mas possivelmente o vendedor a desconhece. Para descobrir a marca de uma placa-mãe, você pode usar programas como o CTBios e o Hwinfo, ambos disponíveis em http://www.clubedohardware.com.br/downlo… Podemos classificar motherboards de acordo com o socket (socket370, socket A, socket 478, etc.), o seu chipset, ou seja, com o conjunto de circuitos da placa-mãe, além do tamanho do cache de memória externo, se a motherboard for do tipo socket 7 ou super 7.

Boa sorte.

Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Chipset

Eduardo (1712918)Especialista
1Eduardo (1712918) em 9/12/2009 às 17:10h

Este circuito desempenha um papel muito importante no funcionamento de uma placa de CPU, ele pertence a escala VLSI (Very Large Scale of Integration) ou seja, no seu interior existem centenas de milhares de transistores.

O Chipset é um dos principais fatores para o bom desempenho de um PC, ficando atrás do processador e das memórias. Por isso sempre há a necessidade de escolher placas de CPU com o chipset adequado. Há vários fabricantes no mercado como Intel, Via, Ali, Sis, OPTi, UMC, etc. As diferenças entre um fabricante e outro se referem a qualidade e tecnologia empregada no chip.

A maioria dos Chipsets é formada por dois chips principais (veja a figura abaixo), conhecidos como North Bridge (Ponte Norte) e South Bridge (Ponte Sul).

Mas, afinal para que serve o Chipset?
Bem, seus diversos circuitos servem para realizar uma série de funções a nível de hardware, como:

* Controle do barramento PCI;
* Controle do barramento AGP;
* Controle do barramento ISA (pc`s mais antigos);
* Controle e acesso a memória, incluindo a cache L2;
* Controle dos sinais de interrupção IRQ, e DMA;
* Timer;
* Controle da Interface IDE;
* Controle da Interface USB.


O Chipset está também relacionado com o clock externo do processador e das memórias. Por exemplo, se o seu processador possui um clock externo de 133MHz, mas a tecnologia do seu Chipset foi baseado em um barramento externo de 100MHz, então você não conseguirá tirar proveito do barramento de 133MHz.

Muitos Chipsets também possuem integrados nele circuitos como de som e vídeo... são as famosas placas de CPU de baixo custo com som e vídeo on-board.

O North Bridge é ligado diretamente ao processador e a partir dele é feito o acesso às memórias e ao barramento AGP, ele faz a geração dos sinais e o controle do barramento PCI.

O South Bridge controla as interfaces IDE, USB, ISA e ele se comunica com o North Bridge através de um barramento PCI, ou seja, ele também é um dispositivo PCI, mas interno à placa de CPU e portanto controlado pelo North Bridge. No South Bridge também está conectado o BIOS e um chip chamado de Super I/O, no qual estão as interfaces de mouse e teclado, interfaces seriais, paralelas, e interface para drive de disquete.

Fonte: para Imagens veja o link http://www.vivaolinux.com.br/artigo/O-que-e-o-Chipset-e-para-que-serve/

Tira-Dúvidas beta