Questão respondida

augusto`s Cidadão

O que realmente acontece quando apertamos CTRL + ALT + DEL??

0 em 27/11/2009 às 19:20h

eu sei q ele finaliza os "erros" do sistema e tal.... mais oq faz desse atalho tão importante pra o pc.... q mesmo quandu nda responde vc faz o atalho e ele responde de forma simples e rapida!! alguem tem a resposta??

Questão respondida

Respostas

Mostrando de 1 a 2 de 2 respostas encontradas (0.141 segundos)
roosevelt Especialista

Melhor Resposta

1roosevelt em 28/11/2009 às 20:08h

é o gerenciador de tarefas. é ele que comanda todas as operações do executável, quer dizer quase todas. porque se não tivéssemos essa opção ficaríamos o tempo quase todo resetando o pc toda vez que ele travasse. é um ferramenta muito útil, rápida e essencial.facilita muito problemas de programas que geralmente vivem travando. desculpe não sei se adicionei alguma coisa a mais a sua pergunta

robertCidadão
0robert em 2/12/2009 às 00:35h

GERENCIADOR DE TAREFAS :

O que é?

O Gerenciador de Tarefas é um programa que permite ao usuário ter maiores informações e controle sobre o que roda no seu computador.

Ele dá informações valiosas como o uso de RAM, memória paginada, entre outros.
Executando o Gerenciador

O jeito mais fácil de rodar o Gerenciador de Tarefas é apertando e segurando CTRL e SHIFT enquanto se aperta ESC: igual ao CTRL-ALT-DEL, mas CTRL-SHIFT-ESC.

No Windows XP, CTRL-ALT-DEL também funciona dependendo da configuração, mas isso é apenas para os usuários que vieram do Windows 98/ME — o jeito mais comum e rápido em todos os sistemas NT (NT/2000/XP/2003) é com o CTRL-SHIFT-ESc.
Terminar um processo

Você pode terminar processos usando o Gerenciador de Tarefas. Isso é útil em várias situações. Por exemplo, fechar um vírus ou então terminar um processo que está travando o computador.

1.

Rode o Gerenciador de Tarefas
2.

Clique na aba “Processos”
3.

Procure o nome do processo na coluna mais para a esquerda
4.

Clique com o botão direito no nome do processo e então clique em “Finalizar processo”
Screenshot
Nota: Alguns processos não podem ser terminados devido ao fato de que pertencem ao sistema. Terminar esses processos pode causar reinicialização em 60 segundos.

Ativando/Desativando o Gerenciador de Tarefas
Via Registro

É possível ativar/desativar o Gerenciador de Tarefas através de uma chave no Registro:

*

[HKCU\Software\Microsoft\Windows\CurrentVersion\Policies\System]
DisableTaskMgr

O valor de DisableTaskMgr (que deve ser um valor DWORD) define se o Gerenciador de Tarefas deve ser habilitado ou desabilitado. Se o valor de DisableTaskMgr for 1, não será possível executar o Gerenciador de Tarefas. Se 0 [zero] (ou a chave não existir), o Gerenciador de Tarefas poderá ser executado normalmente.
Via Diretiva de Grupo

Para Windows XP Pro e Windows 2000 é possível desabilitar o Gerenciador de Tarefas através de uma interface gráfica nas diretivas de grupo.

Para acessá-la, clique em Iniciar -> Executar, digite “gpedit.msc” e clique em OK.

*

No Windows 2000: Configurações do Usuário -> Modelos Administrativos -> Sistemas -> Logon/Logoff. No painel direito você poderá ver a opção “Desativar Gerenciador de Tarefas”.
*

No Windows XP: Configurações do Usuário -> Modelos Administrativos -> Sistemas -> Opções de Ctrl+Alt+Del. No painel direito você poderá ver a opção “Remover Gerenciador de Tarefas”.

Configurando as diretivas acima para “Ativado” (ou colocando a chave no registro para o valor 1), o Gerenciador de Tarefas será desabilitado e você receberá a mensagem de que o Gerenciador de Tarefas foi desativado pelo administrador

Fonte: http://informatizado.wordpress.com/2007/05/25/serie-o-que-gerenciador-de-tarefas/

Tira-Dúvidas beta