Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo]

Ainda em dúvida sobre qual smartphone escolher? Comparamos as diferentes versões dos SOs para que você conheça o básico sobre eles antes de comprar um novo produto.
  • Visualizações160.029 visualizações
Por Wikerson Landim em 19 de Julho de 2013

Dia após dia você acompanha no Tecmundo todas as novidades relacionadas aos principais smartphones do mercado. Entretanto, por mais que as características de cada um sejam conhecidas, não são todos os consumidores que já tiveram contato com os três principais SOs mobile do mercado: Android, iOS e Windows Phone.

Nossa proposta neste comparativo não é mostrar qual deles é o melhor em determinada função, mas sim apresentar as características de cada um dos SOs em funções simples, como acesso às notificações, compra de um aplicativo na loja ou desinstalação de apps.

Para este artigo, utilizamos os aparelhos com as versões mais recentes dos SOs: o iPhone 5, rodando o iOS 7; o Nokia Lumia 920, rodando o Windows Phone 8; e os modelos Samsung Galaxy S4, HTC One e Samsung Galaxy Nexus rodando o Android 4.2. No caso dos aparelhos com Android, optamos por utilizar mais de um modelo justamente por conta das modificações de sistema feitas pelas fabricantes, que tornam alguns detalhes diferentes entre eles.

Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo] (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Tela de bloqueio

iOS 7

Na tela de bloqueio são exibidas informações como horário, data, status da bateria e intensidade do sinal de WiFi ou 3G. Tocando sobre o ícone de câmera e deslizando a tela de baixo para cima é possível acessar a câmera. É preciso deslizar o dedo da esquerda para a direita para habilitar o uso do aparelho. O desbloqueio é feito mediante uma senha numérica ou sem nenhum tipo de senha.

Windows Phone 8

Já no Windows Phone 8 são exibidas informações como horário, data, status de bateria, vibra call (se ativo) e intensidade do sinal de WiFi ou 3G. Para desbloquear o Windows Phone 8, é preciso deslizar o dedo de baixo para cima. O desbloqueio é feito mediante uma senha numérica ou sem nenhum tipo de senha.

Android

Na tela bloqueada são exibidas informações como horário, data, status de bateria, vibra call, intensidade do sinal de WiFi e 3G e pequenos ícones de aplicativos com notificações ou atualizações. O desbloqueio pode ser feito de várias formas, sendo possível escolher qual delas você deseja: deslizar da esquerda para a direita, desbloqueio facial, ligar pontos, senha numérica ou alfanumérica.

Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo] (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Tela inicial

iOS 7

A tela inicial do iOS 7 exibe os ícones de 20 apps, divididos em cinco linhas. Há ainda uma sexta linha fixa, com quatro ícones. A ordem deles pode ser personalizada.

Windows Phone 8

A tela inicial do Windows Phone 8 exibe as chamadas live tiles, que podem ser personalizadas. Alguns aplicativos funcionam como widgets, exibindo atualizações de status. É possível ainda escolher um entre três tamanhos de tiles.

Android

Como cada fabricante pode personalizar o SO, há muita variação entre as mesmas versões de Android de um aparelho para outro. Entretanto, na tela inicial você tem acesso basicamente a uma lista de ícones de apps e também pode adicionar widgets. Além das customizações de cada fabricante, existe uma série de launchers no Google Play que podem modificar a tela inicial completamente.

Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo] (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Notificações

iOS 7

A Central de Notificações pode ser acessada deslizando o dedo de cima para baixo na tela. Ela organiza as informações dos seus aplicativos de três formas: diárias, perdidas ou todas. Além disso, caso existam eventos programados no seu calendário, eles também serão listados.

Windows Phone 8

Não há uma central de notificações propriamente dita. Entretanto, como muitos apps funcionam como widgets, eles podem ser configurados para exibir atualizações no próprio ícone, o que, de certa forma, transforma a tela inicial em uma central.

Android

Para ter acesso à central de notificações, basta deslizar o dedo de cima para baixo na tela. Os resultados incluem as atualizações de aplicativos e lista de conteúdos baixados, além de notificações de conteúdo, como emails e atualizações em redes sociais.

Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo] (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Chamadas e mensagens

iOS 7

Por meio do ícone Telefone você acessa os serviços de chamadas. Nele é possível configurar números favoritos, acessar as chamadas recentes, verificar a lista de contatos ou acessar o teclado virtual para efetuar uma nova chamada. Há ainda um atalho direto para a função voicemail. A lista de chamadas é divida em “todas” e “perdidas”.

Já as Mensagens são acessadas por meio de outro aplicativo. Ao acessar o app, você visualiza uma lista ordenada de acordo com as conversas mais recentes enviadas ou recebidas. Com o iMessage, as conversas são gratuitas entre aparelhos da Apple, seja via WiFi ou 3G. A cor de fundo indica o modo de envio da mensagem: azul para gratuitas e verde para as pagas.

Windows Phone 8

Tocando no ícone de Telefone você tem acesso ao app que faz e recebe chamadas. Por padrão, é exibida a lista com o histórico de conversas. Há atalhos para a caixa postal, teclado, agenda de contatos e um campo de busca.

Já as mensagens são feitas por um ícone à parte e, da mesma forma, é listado um histórico das conversas na página inicial. Há três atalhos: adicionar (para compor uma nova mensagem para um contato que não esteja no histórico) definição do status do chat e lista de conversas.

Android

O app Telefone, por padrão, direciona o usuário para o teclado. Além disso, há outros três atalhos: registros, que lista o histórico de ligações; favoritos, que acessa os principais números cadastros; e Contatos, que exibe a sua agenda. Já o app Mensagens lista as últimas conversas por padrão e, nos atalhos, há apenas a opção de compor uma nova mensagem.

Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo] (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Teclado

iOS 7

O teclado está disponível em português e conta com recursos de autocompletar, autocorreção e destaque para palavras com erro de ortografia.

Windows Phone 8

Da mesma forma, o teclado está disponível em português e conta com recursos de autocompletar, autocorreção e destaque de palavras com erro de ortografia.

Android

Assim como nos outros dois SOs, o teclado do Android está disponível em português e conta com recursos de autocompletar, autocorreção e destaque para palavras com erro de ortografia. Além disso, os modelos com o SO da Google contam com o recurso Swype, que permite deslizar o dedo sobre as teclas virtuais para formar uma palavra. Há outras opções de customização de teclado que podem ser baixadas no Google Play.

Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo] (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Loja

iOS

Para acessar a loja é preciso criar um Apple ID. Depois de criar a sua conta de usuário, você é direcionado para a loja do seu país e pode baixar tranquilamente apps gratuitos. Para comprar um app, é preciso ter um cartão de crédito. Alguns apps podem não estar disponíveis na loja brasileira. Para comprar apps em lojas internacionais, como a dos EUA, é preciso ter um cartão de crédito norte-americano ou adquirir um gift card, que oficialmente não é vendido no Brasil, mas pode ser comprado via importação.

Windows Phone 8

Para acessar a loja é preciso criar uma conta Microsoft. Você é direcionado para a loja do seu país, mas é possível mudar a região para comprar apps de outros lugares. Para comprar aplicativos é preciso ter um cartão de crédito nacional ou internacional.

Android

Para acessar a loja é preciso ter uma conta do Google. O Google Play é unificado, mas por padrão você é direcionado para a loja brasileira. Você pode baixar aplicativos gratuitos sem maiores restrições. Para comprar apps é preciso ter um cartão de crédito. Em alguns países, é possível comprar gift cards, mas essa opção ainda não está disponível no Brasil.

Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo] (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Player de áudio

iOS 7

O player de música do iOS permite ordenar as músicas por artistas, por canção ou ainda a partir de grupos personalizados. Álbuns, gêneros e compositores também estão entre as opções. O iOS 7 passou a contar com o recurso Radio iTunes, mas que não está disponível no Brasil.

Windows Phone 8

O player de música do Windows Phone 8 é integrado com o player de vídeo e permite a organização de canções, vídeos, podcasts e acesso à loja. Dentro da lista de músicas, é possível ordenar as faixas por artista, álbuns ou canções, além de criar listas específicas ou selecionar o que você vai ouvir por gênero.

Android

O recurso Música do Android permite a organização do conteúdo por álbuns, canções, gênero, artistas ou listas de reprodução. Muitos fabricantes incluem ainda no SO seus próprios players, com funções variáveis. Durante a execução de uma faixa, é exibida a capa do álbum.

Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo] (Fonte da imagem: Divulgação/LG)

Central de controle

iOS 7

Deslizar os dedos de baixo para cima faz com que seja aberta a central de controle. Nela você pode acessar recursos como WiFi, Bluetooth, modo avião, controle de rotação e não perturbe. Além disso, há atalhos para o controle de brilho da tela, para o player de música, para o AirDrop e também para os recursos de câmera, calculadora, relógio e lanterna.

Windows Phone 8

Não há uma central de controle com acesso rápido. Entretanto é possível habilitar ou desabilitar praticamente todas as funções do aparelho a partir do item Configurações.

Android

O acesso à central de controle é feito quando você desliza os dedos de cima para baixo na tela. Nela você pode habilitar itens como WiFi, GPS, bloqueio de rotação e Bluetooth, além de controlar os níveis de volume. Quanto mais potente for o aparelho ou mais recursos ele tiver, maior será o número de opções exibidas. É possível ainda personalizar quais itens vão aparecem nesse menu.

Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo] (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Desinstalação de aplicativos

iOS

Basta pressionar o ícone do aplicativo por alguns segundos, até que um X apareça no canto dele. Em seguida, toque em “Apagar” para confirmar a exclusão.

Windows Phone 8

Basta pressionar o ícone do aplicativo por alguns segundos, até que um menu seja aberto. Nele, localize a opção “Desinstalar” e toque sobre ela para confirmar a exclusão.

Android

Em “Configurações” acesse o recurso de “Gerenciador de aplicações”. Na lista de aplicativos, selecione aquele que você deseja excluir e clique sobre ele. Na tela seguinte, selecione a opção “Desinstalar”. Alguns aplicativos disponíveis no Google Play também são capazes de realizar funções similares.

Comparação: Android 4.2 x iOS 7 x Windows Phone 8 [vídeo] (Fonte da imagem: Baixaki/Tecmundo)

Personalização

iOS 7

É possível modificar basicamente os papéis de parede da tela de bloqueio e do plano de fundo. Os apps disponíveis no dock também podem ser alterados, assim como o toque do celular.

Windows Phone 8

É possível mudar o tamanho das live tiles e também escolher quais são os itens que estarão presentes nesta página inicial. A imagem da tela de bloqueio e as cores das tiles também podem ser alteradas.

Android

É possível modificar o tipo de bloqueio, incluir ou excluir widgets na tela inicial ou ainda baixar launchers personalizados. Há ainda aplicativos para desinstalar apps e gerenciar conteúdos. Você pode modificar também os papéis de parede e planos de fundo, inclusive com opções animadas. As modificações na interface variam de acordo com cada fabricante.

.....

Agora que você já conhece um pouco mais sobre cada um dos sistema operacionais, qual será a sua escolha na próxima compra de smartphone?



Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Colabore com o autor clicando aqui!