A Foxconn, famosa parceira da Apple que monta iPhones e outros eletrônicos de alta tecnologia, está em processo de adquirir a Sharp. A revelação foi publicada hoje no The Wall Street Journal. Segundo o jornal norte-americano, o valor da transação pode alcançar os US$ 5,3 bilhões.

O responsável pela Sharp, Kozo Takahashi, afirmou que a venda será efetivada ainda no mês de fevereiro. Reconhecida por fabricar displays para smartphones e outros componentes, a Sharp deve fortalecer ainda mais o domínio da Foxconn como montadora de gadgets. A aquisição também deve aumentar os lucros da companhia taiwanesa, que terá maior capacidade para abraçar parcerias com grandes fabricantes.

Ainda não foram revelados detalhes sobre os termos da compra, mas é de se esperar que ocorram ajustes, já que as fábricas da Sharp contam atualmente com mais de 48 mil funcionários e fusões entre empresas de grande porte sempre resultam em ajustes.