Samsung confirma lançamento de smartphones com telas flexíveis para 2012

Empresa confirmou o desenvolvimento da tecnologia, e patentes mostram alguns conceitos de aparelhos.
  • Visualizações9.886 visualizações
Por Durval Ramos Junior em 7 de Março de 2012

Samsung confirma lançamento de smartphones com telas flexíveis para 2012 (Fonte da imagem: Patent Bolt)

Parece que a Samsung quer dar um basta nas brigas com a Apple por questões de patentes e pretende lançar um novo conceito de tela em um futuro breve. Isso porque a empresa sul-coreana confirmou que irá disponibilizar os primeiros smartphones com telas flexíveis já neste ano, confirmando alguns rumores que surgiram nos últimos meses.

Os primeiros aparelhos devem aparecer no mercado a partir do segundo ou terceiro trimestre de 2012, sendo seguidos por uma segunda geração de dispositivos no mesmo período de 2013.

Além da óbvia vantagem de trazer um equipamento capaz de alterar seu tamanho com extrema facilidade, essa nova tecnologia também apresenta outros benefícios. De acordo com a Samsung, a novidade vai diminuir o consumo de energia dos celulares ao trazer um recurso que corta o fornecimento no display com base no quão dobrado ele está. Em resumo, os smartphones serão capazes de identificar as partes desdobradas e só se comunicar com elas.

Tela retrátil

O site Patent Bolt também liberou algumas imagens de patentes registradas pela fabricante, revelando alguns conceitos que podem ser reaproveitados em seus futuros lançamentos. Um dos principais destaques das imagens apresentadas está uma tela retrátil que consegue aumentar o tamanho do telefone, consideravelmente, com um único movimento.

Como a página ressalta, o sucesso da Samsung com esse novo tipo de tecnologia pode desencadear uma nova revolução na forma com que nós nos relacionamos com smartphones e até mesmo com tablets. Com o auxílio de displays flexíveis, é possível desenvolver computadores de pulso ou aparelhos que podem ser carregados no bolso, mas que também podem se transformar em algo bem maior.



Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Colabore com o autor clicando aqui!