O site Meu Patrocínio, rede social que junta casais com base em um conceito ainda não muito difundido no Brasil, soltou um infográfico que detalha um pouco o perfil de quem faz o cadastro no serviço.

O objetivo da ferramenta é juntar sugar daddies (homens bem sucedidos em busca de um romance) e sugar babies (mulheres atraentes em busca de um parceiro com boa situação financeira). O TecMundo já entrevistou a CEO da empreitada, Jennifer Lobo, e uma das usuárias da rede social.

Confira o resultado:

Na imagem, é possível conferir o perfil médio dos cadastrados no site brasileiro. Algumas informações podem ser surpreendentes: os homens têm média de 42 a 45 anos, bem menos do que o estereótipo da sociedade. Já a renda e o patrimônio são realmente altos, chegando à média de R$ 7,5 milhões entre usuários Premium. Já as sugar babies, que existem na página em proporção de cinco para um "dadddy", têm em média 26 anos, não possuem curso superior completo e moram principalmente em São Paulo.

O que você achou do serviço Meu Patrocínio? Comente no Fórum do TecMundo