A Brave Software acaba de lançar uma versão prévia e para desenvolvedores do navegador Brave, que pode virar uma nova pedra no sapato das gigantes. O programa está disponível para Windows, Mac, Android e iOS.

Se o nome não chamou a atenção, não se preocupe. Trata-se de uma startup que busca só agora o já competitivo mercado. O diferencial é quem está no comando: Brendan Eich, cofundador e ex-CEO da Mozilla, criador do JavaScript e considerado um dos grandes executivos por trás do sucesso do Firefox.

O Brave é baseado no Chromium, o projeto open-source da Google, mas é bem mais do que só mais um derivado. Clique aqui para conhecer a proposta e fazer o download.

Proposta do bem

Criado por uma equipe de somente dez funcionários em San Francisco, na Califórnia, o Brave faz duas grandes promessas. A primeira é velocidade: carregar os sites que você visita de duas a quatro vezes mais rapidamente nos celulares e até 1,4 vez no computador.

Com e sem o Brave: a quantidade de anúncios cai bastante

A outra é privacidade. O Brave não é um simples AdBlock: ele elimina só os anúncios dos sites (e outros elementos da página) que espionam o comportamento e o histórico do usuário.

Você usaria o Brave, um navegador rápido e que bloqueia anúncios automaticamente:? Comente no Fórum do TecMundo