Achou que só os donos de iPhones teriam que se preocupar com problemas que poderiam acabar com seu aparelho celular? Pois então é melhor pensar de novo. Segundo um relatório enviado pela empresa Heimdal Security, um novo golpe feito por hackers pode permitir a eles ter controle total de aparelhos Android, tendo inclusive a possibilidade de apagar por completo os dados de seu smartphone.

O golpe tem como base o envio de uma mensagem via SMS ou MMS, dizendo que há uma mensagem multimídia a ser baixada através de um link específico. Clicando nele, seu aparelho vai baixar e instalar o navegador Tor automaticamente, usando links seguros; através do aplicativo, porém, é baixado silenciosamente um APK que é, na verdade, o malware “Mazar Android BOT”.

Quando instalado, o software adiciona uma série de brechas que dão aos hackers direitos de administrador sobre seu aparelho, permitindo a eles acessar seus dados e basicamente controlá-lo da maneira que desejarem. Os ataques, de acordo com a empresa, têm como origem o Irã, e são enviados aleatoriamente para pessoas de todo o mundo.

Esses são alguns dos direitos aos quais o Mazar tem acesso em seu aparelho

Como evitar

Felizmente, a falha é algo consideravelmente fácil de evitar. Para começar, o método mais óbvio é simplesmente evitar clicar em links suspeitos; principalmente se eles vierem de alguém que não for de confiança.

Outra solução importante e bastante fácil é simplesmente acessar as configurações de segurança de seu Android e desligar a opção de instalar apps de fontes desconhecidas. Essa ferramenta é crucial para a instalação do malware e, felizmente, já vem desativada em seu smartphone, mas não são poucos aqueles que ligam a função para instalar alguns programas e acabam esquecendo de desligá-la novamente.

Curiosamente, por fim, vale notar que o malware está programado para ignorar quaisquer vítimas russas, o que quer dizer que você pode evitar problemas com o software simplesmente mudando a linguagem de seu celular.

Você acha que seu smartphone é seguro? Comente no Fórum do TecMundo