Já estabelecida no mercado de PCs Windows e com um negócio crescente de smartphones – além de ser dona da divisão de celulares da Motorola –, a Lenovo agora anunciou um dispositivo que promete unir perfeitamente os dois tipos de aparelhos. Com o LINK, os usuários poderão usar seus computadores para interagir “remotamente” com seu celular sem ter que tocar nele.

À primeira vista, o LINK parece ser apenas um pendrive de 32 GB, mas além do plug USB que se conecta ao PC, o acessório tem uma entrada USB 3.o na ponta oposta, onde seu smartphone pode ser conectado. Uma vez que tanto o seu computador com Windows 7 ou superior quanto o celular com Android 5.0 ou mais recente estiverem ligados e contarem com seus respectivos apps companheiros, torna-se possível usar o teclado e o mouse para navegar pelo dispositivo móvel.

Dessa forma, o usuário passa a poder usar aplicativos, responder mensagens e até mesmo copiar e colar informações do celular para o PC (e vice-versa). Torna-se possível até mesmo arrastar arquivos de um aparelho para o outro, transferindo-os instantaneamente pelo cabo USB. Além de poder reproduzir a tela do smartphone na do computador, o LINK também tem um modo de uso que tem as mesmas funções, mas transforma o mobile em uma espécie de segunda tela.

Podendo ser usado tanto como um pendrive de 32 GB quanto como uma ótima forma de conectar PC e celular, o Lenovo LINK foi anunciado com o preço de US$ 40 (cerca de R$ 162, sem contar impostos). Ainda não há uma data específica de lançamento nem previsão de chegada oficial ao Brasil, mas a novidade deve chegar às lojas norte-americanas em algum momento de março deste ano.

O que você achou do Lenovo LINK, o pendrive que controlar e usar seu smartphones a partir de um PC conectado? Comente no Fórum do TecMundo