Há poucos dias, o Instagram anunciou que vai realizar mudanças substanciais na maneira como exibe sua linha do tempo. No lugar da ordem cronológica, entra um sistema baseado em algoritmos que determina as imagens exibidas baseado em sua popularidade e em seu relacionamento com o responsável pela postagem.

Segundo os administradores, a mudança ocorre porque a maior parte dos usuários segue tantas pessoas que 70% dos conteúdos produzidos são perdidos. A atualização supostamente conseguiria “separar o joio do trigo” e ajudar a manter as fotografias mais relevantes em evidência.

Muitos usuários ficaram descontentes com a mudança e prepararam uma petição online em que protestam contra ela. Disponível no site Change.org, o documento virtual já conta com a assinatura de 157 mil pessoas, que acreditam que, no mínimo, a comunidade deveria ser consultada antes que uma alteração tão relevante fosse realizada.

A petição também faz comparações com as mudanças feitas pelo Facebook, que incorpora um sistema de relevância semelhante ao prometido pelo Instagram. Segundo os responsáveis, isso não é muito adequado àqueles que possuem pequenos negócios, visto que soluções do tipo priorizam marcas grandes e bem estabelecidas no mercado.

O que você pensa sobre as mudanças propostas pelo Instagram? Comente no Fórum do TecMundo