Photoshop: Efeito de quebra-cabeça em suas fotos!

Com poucos passos, você pode deixar suas imagens iguais a um quebra-cabeça.
  • Visualizações116.261 visualizações
Por Willian Fonseca em 22 de Janeiro de 2009

Neste tutorial de Photoshop, vou ensiná-los a aplicar um efeito de quebra-cabeça em suas fotos, o que pode ser interessante para quem quer dar uma renovada em suas imagens, aplicando um toque diferente e inusitado a elas.

Basicamente, duas etapas compõem este efeito. Primeiramente, você deverá aplicar a textura de quebra-cabeça à imagem, através de algumas texturas prontas que já constam na pasta principal do photoshop. Por último, vamos recortar algumas das peças, deixando o quebra-cabeça ainda mais interessante.

Efeito quebra-cabeça

1.    Duplique a camada de fundo, apenas para um backup caso seja necessário.

2.    Acesse Filters>Texture>Texturizer.

3.    Clique no botão indicado para encontrar a textura de quebra-cabeça. (Por padrão, ela se encontra no caminho C:\Arquivos de Programas\Adobe\Adobe Photoshop CS3\Presets\Textures)

4.    Agora que você tem a textura, modifique seu tamanho e definição da maneira que achar mais interessante.

Desta forma, o efeito de quebra-cabeça já está pronto. O que você pode fazer para dar um toque ainda mais interessante à imagem é retirar algumas peças, colocando-as de forma aleatória em outros locais da figura. Para isso, eu preferi utilizar a ferramenta “Magnetic lasso”, que ajuda a realizar os contornos automaticamente enquanto você guia o ponteiro do mouse.

1.    Realize o contorno da peça que quer recortar.

2.    Ao terminar, clique sobre ela com o botão direito e escolha “Layer via cut”.

3.    Mova a peça para onde quiser e gire-a, teclando Ctrl+T.

Você pode recortar e mover quantas peças do quebra-cabeça quiser, dando um toque ainda mais inusitado à imagem. As outras texturas do photoshop funcionam de forma semelhante e basta escolher a que mais combine com suas intenções para cada foto.



Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Colabore com o autor clicando aqui!