HP entra no mercado das impressoras 3D

Em parceria com uma das grandes empresas de impressão tridimensional, a Hewlett-Packard está para lançar seu primeiro modelo de impressora 3D.
  • Visualizações6.903 visualizações
Por Bruna Rasmussen em 22 de Janeiro de 2010

Se durante as últimas semanas você esteve antenado a tudo o que aconteceu no mundo da tecnologia, deve ter percebido a enxurrada de gadgets e produtos eletrônicos que buscam na terceira dimensão uma nova oportunidade de mercado.

Televisores 3D, blue-ray 3D e até a Copa do Mundo em 3D. Não contente com todas estas iniciativas, a Hewlett-Packard, conhecida fabricante de impressoras e multifuncionais, está prestes a trazer para o mercado uma impressora 3D.

Recentemente, a HP assinou uma parceria com a empresa Stratasys, especializada em impressões tridimensionais e o projeto está a todo vapor! Ao que tudo indica, a HP entra com a marca e produção, enqunato a Stratasys fica responsável pela tecnologia em si.

uPrint


O produto deve chegar ao mercado até o fim do ano e, embora valores não tenham sido discutidos, há quem diga que o brinquedinho pode chegar à faixa dos US$20.000.

 Para você ter uma ideia, a impressora mais simples e barata do catálogo da Stratasys é a uPrint, um aparelho pequeno o suficiente para caber em uma mesa e que fabrica modelos de até 15 x 20 cm e custa US$14.900.



Sendo assim, o uso da impressora 3D, pelo menos por enquanto, não é focado no mercado doméstico, mas sim em pequenas indústrias que precisam de protótipos de qualidade. Mas não pense que imprimir em três dimensões é novidade. Este tipo de impressão já existe a algum tempo, mas mantém seu foco em grandes indústrias. 


Como funciona

Falar em impressora 3D é algo novo para muita gente. Mas como isso realmente funciona? Imprimir um objeto em três dimensões exige que ele seja criado em algum programa do tipo AutoCAD e, só então, o protótipo vai para a impressão.

O modelo das impressoras da Stratasys, por exemplo, utiliza um material plástico que é moldado com o calor e adicionado camada por camada. Este modelo, FDM, deverá ser adotado pela linha de impressoras 3D da HP. Saiba mais como funciona esta tecnologia que ainda nos é estranha neste artigo.



Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Colabore com o autor clicando aqui!