Durante o evento Google I/O 2014, diversos anúncios significativos da Google foram realizados, como o Android L – que já comentamos aqui no TecMundo.

Entre os destaques, podemos listar o Material Design: interface que promete unificar o visual do Android com o dos aplicativos do Chrome OS e com as páginas de internet ao padronizar todas essas plataformas.

O novo visual é composto por cores chapadas e vibrantes, novas fontes, ícones completamente repaginados (como o Gmail e o Google Calendar) e sensação de profundidade entre os aplicativos com as diferentes camadas que eles trazem, além de possuir animações em praticamente todas as ações realizadas. As alterações seguem o conceito de “espaços racionalizados e sistemas em movimento”, criado pela Google. Veja o vídeo oficial de introdução do Material Design:

No palco do I/O 2014, Matias Duarte, um dos responsáveis pelo desenvolvimento da interface, enfatizou os efeitos de transição e os novos elementos que estão presentes no Material Design.

Segundo ele, as animações que vemos nas telas devem ser semelhantes com as que ocorrem no mundo real – e por isso são fisicamente aceitáveis e elegantes ao mesmo tempo. “O nosso material é baseado na realidade tátil, inspirado por nossos estudos de papel e tinta, aberto à imaginação e magia”, discursou ele. Veja abaixo uma galeria com imagens do Design Material:

A Google disponibilizou um site que contém diversas informações sobre os anúncios realizados na Google I/O 2014. Para acessar um PDF que possui maiores detalhes do Material Design, você pode clicar aqui (conteúdo em inglês). No site, também é permitido encontrar mais dados sobre o desenvolvimento de apps, um arquivo de doodles, dados sobre o Google Glass, entre outras informações.

A profundidade da interface do Material Design é um de seus grandes destaques, assim como as cores que ficaram mais fortes – diferenças já bastante significativas se comparadas ao Holo, introduzido nos aparelhos Android em 2012. Você pode conferir as mudanças no visual do app Gmail no vídeo abaixo, além de visualizar como o Design Material rodará em navegadores (a partir de 3:33):

Além disso, o fato de o Material Design se estender para outras plataformas é um fator importante para se popularizar entre os usuários (todos os aparelhos possuirão suporte à interface). Contudo, comparações com os seus rivais já se originaram na internet.

Primeiramente, em relação à Microsoft, já que o visual do Material Design também traz áreas quadriculadas e retangulares que podem ser reposicionadas e personalizadas – e que representam os aplicativos (algo parecido com as Live Tiles). Por outro lado, as cores chapadas também lembram o iOS 7.

Para ter um gostinho de como será o Material Design, você pode acessar o app de quiz que foi exibido na Google I/O 2014 (clique aqui para acessá-lo com o Google Chrome). A imagem que você vê acima é do próprio aplicativo já rodando no Chrome. Caso as alterações não tenham agradado a você, não se desespere: pelo menos por enquanto, será possível selecionar o Holo nas configurações dos menus do Android, se assim desejado.