Depois da polêmica conhecida como “Pen Gate”, em que a S Pen do Galaxy Note 5 foi protagonista, a Samsung parece ter tomado tento e alterado o hardware do seu phablet para evitar que o problema aconteça em novas unidades.

Como você confere na imagem abaixo, o sensor de presença agora é cinza e conta uma haste desenhada para não emperrar no botão da S Pen quando inserida de ponta-cabeça. Apesar da mudança, a coreana não fez nenhum pronunciamento sobre isso, e, até o momento, não há como saber quais modelos do phablet já possuem a alteração e quais ainda contam com o “defeito”.

Sendo assim, se você estiver pensando em comprar o Note 5, há a possibilidade de adquirir o aparelho com a primeira ou a segunda versão do sensor. É tudo uma questão de sorte. De qualquer forma, acreditamos que os lotes mais novos, fabricados nos últimos meses, já devem ter a falha consertada.

O impacto

A nossa recomendação para quem for comprar um Note 5 é simples: fique sempre atento ao enfiar a caneta no aparelho para não correr o risco de danificá-lo. Quando o problema começou a surgir, com fotos e reclamações nas redes sociais, a Samsung simplesmente disse: “leiam o manual”. Mais recentemente, entretanto, as embalagens do phablet foram alteradas, e um aviso sobre a falha foi colocado na caneta.

Mesmo assim, se o problema acontecer com você, não tente tirar a caneta à força. Leve o aparelho na assistência da marca para que eles façam isso para você.

Você tem um Galaxy Note 5? Já colocou a S Pen no lugar de ponta-cabeça? Comente no Fórum do TecMundo