Nós já falamos bastante sobre como se preparar para tirar melhores fotografias, com artigos e tutoriais sobre o tema. Se você quer relembrar um pouco do que foi dito e aprender mais ainda, confira essa lista com 16 dicas para melhorar a qualidade das suas fotos. A lista original é do PhotographyTalk e esta é uma compilação com os principais passos para se tornar um bom fotógrafo.

Tornar-se um fotógrafo é um processo que precisa ser levado à sério (Fonte da imagem: Flickr/Jordan)

1- Estabeleça um objetivo

O primeiro passo para se tornar um bom fotógrafo é saber aonde você pretende chegar e como você pode conseguir isso. Você pode querer se tornar um profissional e ganhar dinheiro com isso ou pode querer apenas tirar fotos melhores para a sua satisfação pessoal.

Seja qual for a sua aspiração, o caminho é bem parecido. Não é por que você talvez não tenha a ambição de se tornar um profissional que aprender a fotografar vai ser mais fácil, a única diferença é quanto dinheiro você vai gastar e ganhar com isso. Portanto, para alcançar o seu objetivo final é preciso saber exatamente aonde você quer chegar e traçar planos para isso.

2- Conheça totalmente a sua câmera

Conheça todas as partes da sua câmera (Fonte da imagem: Mohylek)

Não importa se você usa uma compacta ou uma SLR profissional. Para se tornar um bom fotógrafo é preciso que você saiba tudo sobre o equipamento que você está usando para que, na hora de fotografar, você não perca tempo tentando descobrir o que cada parte da câmera faz. Isso inclui os botões, as funções internas e tudo o que a sua máquina fotográfica pode oferecer.

 

3- Aprenda técnicas fotográficas

Se você não tiver o domínio das técnicas fotográficas mais comuns é impossível evoluir e conseguir o seu próprio estilo. Mesmo com um equipamento simples é importante saber o que você pode fazer com ele. Leia este artigo que fala um pouco mais sobre o assunto.

4- Aprenda a editar as suas fotografias

A maior parte dos grandes fotógrafos usa editores de imagem como o Photoshop para deixar as suas fotos com uma aparência melhor. Você pode corrigir as cores, iluminação, textura e muito mais, deixando no final a fotografia com um ar bem mais profissional.

Nós fizemos este artigo com dicas de edição para o Photoshop e este, com algumas funções que podem ser emuladas no GIMP ou no Picnik. Se você for usar o editor online, no entanto, faça isso já, pois a Google estará fechando o Picnik no mês de Abril.

5- Desenvolva o seu olhar

Desenvolver o olhar é saber para onde olhar e como recortar a cena (Fonte da imagem: Ana Nemes)

Esse é uma das dicas mais importantes, no entanto ela é bastante subjetiva e pode ser difícil compreendê-la profundamente. Desenvolver um olhar fotográfico é saber ver as coisas ao seu redor e perceber o que pode vir a se tornar uma boa imagem. É, também, saber enxergar além do que se está acostumado, saber ver beleza nos lugares mais comuns.

Além disso, desenvolver o olhar é também treinar técnicas de enquadramento como a Regra dos Terços e o Retângulo de Ouro. Veja este artigo sobre como fotografar arquitetura para entender um pouco mais sobre o olhar do fotógrafo.

6- Estude a história da fotografia e conheça os principais fotógrafos

Esse passo é essencial. Não é por que você hoje utiliza um equipamento digital que não é preciso estudar a história para saber como a fotografia evoluiu até ser a arte que é hoje. Isso é muito importante e saber conceitos históricos pode ajudar a entender melhor o que, de fato, é a fotografia. Essa é uma das maiores diferenças entre fotógrafos técnicos e aqueles que entendem o que estão fazendo.

Linda McCartney, fotógrafa (Fonte da imagem: Divulgação/Taschen)

Importante também conhecer o trabalho dos importantes fotógrafos do passado e do presente. Nomes como Cartier-Bresson, Sebastião Salgado, Linda McCartney, Irina Werning e muitos outros são quase obrigatórios para quem quer aprender a fotografar. Conheça as fotografias e projetos fotográficos desses e de muitos outros profissionais para saber qual estilo combina mais com o seu.

7- Entre - ou funde - um grupo de fotografia

Se você mora em uma grande cidade é muito possível que exista um desses grupos de fotógrafos que compartilham experiências. Se você não souber de nenhum, pode criar o seu, tudo o que você precisa é de algumas pessoas dispostas, alguém mais experiente e tempo livre. Trocar conhecimento e ver o trabalho de outras pessoas pode ajudar bastante!

8- Tenha um parceiro de fotografia

Treinar sozinho é possível, porém se você tiver um parceiro nessa empreitada tudo se torna mais fácil. Escolha um amigo para sair fotografar com você, é mais seguro e agradável, além de que o incentivo de outra pessoa pode fazer com que você não desista do seu objetivo tão facilmente.

Fotografar em dupla é bem mais divertido! (Fonte da imagem: Louish Pixel)

9- Encontre alguém mais experiente para ajudar

Por melhor que seja o aprendizado sozinho, a ajuda de um mentor que entenda mais do assunto é essencial também. Não é preciso ter aulas regulares, mas é importante ter alguém bem mais experiente para quem recorrer em caso de dúvidas. Além disso, é essencial ter alguém para analisar as suas fotos e passar uma opinião sincera sobre o seu trabalho.

10- Frequente o máximo de eventos sobre o assunto

Essa dica vale principalmente para quem quer se tornar um profissional. Saber o que a indústria fotográfica está preparando é vital para saber como se programar para acompanhar esse desenvolvimento tecnológico. Visite o maior número de eventos ligados à fotografia que você puder, como feiras, convenções, conferências e palestras.

11- Visite museus e galerias

Isso é muito importante: se você quer um dia estar entre as exposições de uma galeria é preciso conhecer esses espaços para saber qual é o tipo de trabalho que mais aparece por lá. Ver as tendências e técnicas usadas é muito válido. Não para que você copie o trabalho daqueles fotógrafos, mas para que você tenha novas ideias para as suas fotos. Se a sua cidade não possui esses espaços, use a internet e fique por dentro!

Visite museus e galerias em busca de referências fotográficas (Fonte da imagem: Cuba Gallery)

12- Tenha um site

Não basta ver os outros, é preciso ser visto também. Mesmo que você queira se tornar um fotógrafo amador “especialista”, ainda assim é preciso ser visto pelos outros. O mais recomendado é que você crie o seu próprio site pessoal, mas, se isso não é possível, mostre o seu portfólio em locais como o Flickr ou outros sites parecidos.

13- Saiba usar a internet a seu favor

Esqueça a pesquisa de imagens do Google: para conhecer aas tendências fotográficas e ver fotografias que realmente valem a pena é preciso saber usar a internet mais a fundo. Conheça os principais sites, como o Flickr e o Olhares, que trazem o trabalho de fotógrafos amadores, semiprofissionais e profissionais. Além disso, use a internet como fonte para pesquisar os sites pessoais dos seus fotógrafos favoritos.

14- Participe de concursos

Ainda no objetivo de ser visto, participar de concursos é uma forma de colocar o seu trabalho para ser testado. Existem eventos como esses para todos os níveis, desde os mais amadores até aos mais profissionais, portanto veja em qual deles você se encaixa e inscreva-se!

15- Reserve tempo para fotografar

Se você quer progredir como um fotógrafo está na hora de priorizar isso. Separe um tempo semanal (ou, se você puder, diário) para mexer com a sua câmera e fotografar. Você pode sair de casa ou não, mas é importante treinar as técnicas aprendidas recentemente para não perder a prática. Assim como um escritor precisa escrever e um pintor precisa pintar, um fotógrafo de verdade precisa exercitar a sua arte sempre!

Programe saídas fotográficas com frequência para aprimorar a sua técnica (Fonte da imagem: Ana Nemes)

16- Tenha prazer naquilo que você faz

O último passo é, quem sabe, um dos mais importantes. Se você fotografa por paixão e tem prazer no que você faz, o resultado tende a ser muito melhor do que se você fizer isso de uma maneira forçada. A fotografia precisa revelar um pouco da alma do fotógrafo e só é possível que isso aconteça se você se doar completamente enquanto estiver com a câmera.

Para encontrar esta satisfação, tente criar objetivos para você mesmo. Existem os chamados “desafios fotográficos” e você pode experimentar um deles, como o 365 Days (tirar uma foto por ano) ou o 52 Weeks (uma fotografia por semana). Escolha um tema para o seu desafio e encontre a sua motivação!