O ano de 2015 não poderia acabar sem mais um bug que afeta o já calejado plugin Flash, da Adobe. Não é surpresa para mais ninguém, mas uma nova vulnerabilidade foi descoberta na plataforma — e já corrigida com uma atualização emergencial de segurança.

Aparentemente, os erros eram múltiplos (19, ao todo) e quase todos eram críticos, ou seja, poderiam resultar na debilitação completa da sua máquina. Uma das falhas, a CVE-2015-8651, afetava todas as plataformas com o plugin e permitia a um invasor rodar um código que garantia o controle remoto de um dispositivo.

A empresa afirmou que somente ataques limitados e direcionados foram detectados, mas isso não diminui a gravidade do problema — ou a necessidade de você se prevenir contra eles.

Conserto

Se você usa o Flash em Windows, Mac OS X, Linux ou Chrome OS, busque a atualização mais recente da plataforma ou aceite as notificações de download automático da Adobe. Clique aqui para conferir se você está usando a versão correta no seu dispositivo.

Várias plataformas estão substituindo o Flash por outras plataformas, como o HTML5. A Adobe já anunciou que, talvez até para limpar a imagem do produto, ele vai mudar de nome em 2016. Em um artigo no TecMundo, já comentamos por que o Flash precisa morrer de vez.

O Flash Player está com os dias contados? Comente no Fórum do TecMundo