Asus Eee Pad Slider

Análise Escolha do Editor
Avaliação do usuário: 90 com base em 8 opiniões Ler todas

Um aparelho com teclado físico, em uma mistura de tablet com netbook.

Por Daniele Starck
Quarta-Feira, 14 de Dezembro de 2011

Depois de apresentar ao mundo o Eee Pad Transformer, a ASUS inova mais uma vez com o Eee Pad Slider: tablet com um teclado físico que desliza, semelhante a um smartphone. A empresa parece apostar, cada vez mais, em tablets diferenciados.

Em vez de entrar na briga contra o iPad, a ASUS oferece opções que podem agradar a usuários que buscam unir a praticidade de um tablet com as características físicas de um notebook. O Slider conta com um processador poderoso, excelente duração de bateria e um display de alta qualidade. O Tecmundo analisou e mostra o que está aprovado e reprovado neste gadget único.

Aprovado O que chamou nossa atenção

Teclado

O teclado físico acoplado ao Slider faz com que este aparelho seja um verdadeiro híbrido. Ele pode agradar usuários de tablets e netbooks.  Assim, é possível digitar mais rápido e, ao mesmo tempo, contar com as vantagens de um Android. Apesar de não ter um trackpad, ele possui uma entrada USB, para você conectar o mouse, se assim desejar.

Asus Eee Pad Slider

Android 3.2

O Slider vem equipado com o Android Honeycomb em versão 3.1. Mas o usuário pode fazer o update para o 3.2 assim que conectá-lo à internet. Isso garante que você terá a versão mais atualizada do SO exclusivo para tablets, sem precisar esperar. Além disso, a ASUS já sinalizou positivamente em relação a uma atualização para o Android 4.0.

Asus Eee Pad Slider

Fonte da imagem: Divulgação/Asus

Desempenho

O tablet da ASUS está equipado com um processador NVIDIA Tegra 2 dual-core de 1GHz e um 1 GB de memória RAM. Essa configuração garante um excelente desempenho, em especial para rodar jogos.

Em comparação com o Motorola Xoom (um dos tablets mais poderosos do mercado), o Slider se saiu muito bem. Utilizando o app BenckmarkPi, o placar ficou 545 ms para o Slider e 573 para o Xoom.

No quesito frames por segundo, o Xoom se saiu ligeiramente melhor – utilizando o app NenaMark2:  19.6 fps contra 19.2 fps do tablet da ASUS. Com estes resultados, o gamer que pretende adquirir um tablet encontra no Slider uma boa opção.

Tela

O display de 10.1” do Slider possui uma boa resolução, com 1280 x 800 pixels. Ele apresenta cores fortes, com excelente definição e nitidez. Além disso, a tela é protegida por uma camada Gorilla Glass, uma tecnologia que evita riscos e garante maior durabilidade – algo essencial para aparelhos mobile.

Asus Eee Pad Slider

 

Aplicativos diferenciados

Os aparelhos Android da ASUS possuem apps diferenciados muito interessantes. O Polaris é um editor de documentos, para escrever textos, criar planilhas e apresentações. Já o MyCloud permite que você armazene conteúdo na nuvem, para acessá-lo de qualquer lugar.

Bateria

A duração da bateria do Slider é excelente. Ela não chega a superar outros tablets como o irmão Transformer e o Motorola Xoom, mas tem autonomia de seis horas. É possível ver filmes e jogar a vontade, mesmo com o Wi-Fi conectado.

 

Reprovado Do que esperávamos mais

Pesado

No Transformer, a ASUS colocou o teclado físico como um item opcional. Ou seja: você decide se deseja comprá-lo ou não e quando quer utilizar o acessório. Já o Slider não tem essa opção e paga caro por isso.

Asus Eee Pad Slider

Comparação de tamanho. Em ordem: iPad 2. Motorola Xoom e Eee pad Slider.

Pesando quase um quilo, é cansativo segurá-lo para jogos e visualização com o teclado fechado, como um tablet normal. Ao colocar o aparelho sobre uma superfície, a inclinação da tela com o teclado aberto é excelente. O problema é que, usualmente, esta não é a principal forma de utilizar um tablet.

Design

O Slider não é tão bonito e elegante quanto outros produtos da ASUS. Sua carcaça tem uma divisão de cores pouco atraente e a tela reflete demais a luz ambiente. O aparelho também não tem textura e vem com duas opções de cores pouco populares entre os usuários: branco e cobre.

Asus Eee Pad Slider

Fonte da imagem: Divulgação/Asus

Além disso, a forma de abrir o teclado não é prática nem suave. Você precisa puxar a parte de cima do tablet, segurando a tela, sem poder deslizá-la para cima como faria com um smartphone. O solavanco ao final e a falta de um encaixe seguro deixam uma impressão ainda pior do projeto deste tablet.

Teclado

O teclado físico ainda precisa de ajustes. O tamanho das teclas pode ser pequeno para muitos usuários, tornando sua utilização pouco confortável. Além disso, não há um trackpad, o que obriga o usuário a digitar e tocar a tela ao mesmo tempo para executar todas as tarefas necessárias.

Asus Eee Pad Slider

Isso faz com que seja mais prático instalar um mouse para utilizar o Slider com seu teclado físico. No entanto, só existe uma entrada USB no aparelho – ao contrário do Transformer, que possui duas entradas USB e um trackpad.

 

Vale a pena? O que nós achamos

Por seu peso e tamanho, o Slider acaba não sendo um tablet tão interessante, pois ele não é tão portátil quanto um tablet comum, mas também não possui todas as vantagens de um netbook.

A ASUS não está, obviamente, mirando o mesmo público que Motorola e Apple com seus tablets. Portanto, questões como peso podem não ser tão importantes para quem procura um aparelho com teclado.

Asus Eee Pad Slider

Fonte da imagem: Divulgação/Asus

Mesmo assim, acaba valendo a pena optar pelo Transformer, também da ASUS, que possui as mesmas características em um design melhor e com a opção de desconectar o teclado, deixando o aparelho bem mais leve e confortável para utilização. 

Na batalha dos preços, Slider também sai perdendo. No Brasil, ele custa R$ 1.799,00, enquanto o Transfomer sai por R$ 1.499,00 e seu teclado custa R$ 399,00. Ou seja, por menos de R$ 100,00 é possível comprar um aparelho mais vantajoso.

Opiniões
Avaliação do usuário:com base em 8 opiniões 90
  • Satisfaz tds as necessidades., 10 Brunobbrasil em 12/01/2012 às 08:23 Resumindo: Melhor custo-benefício do mercado. Configuração robusta, teclado integrado, tela 10.1" LED com Gorila Glass e sistema Android atualizável para versão 4.0, quer mais? Há, n esquecendo que é Asus...
  • e bom e ruim...., 6 andre em 17/12/2011 às 23:42 eu gostei pq tem teclado fisico e por causa da tela com um bom brilho o ruim pq e pesado e nao pode tirar o teclado .......mas para quem nao baixa conteudos pesados e maravilhoso e de bom tamanho o ruim pq se agente quizer conversas pela webcan a camera esta em baixo do teclado e nao tem 2 cameras.........mas acima de tudo eu gostei
  • Vendi meu notebook e comprei um Slider!, 10 Victor A. S. Freire em 15/12/2011 às 09:40 Faz mais ou menos um mês que vendi meu notebook Dell Inspiron 15R pois o achava muito pesado e lento para levar e trazer da faculdade todos os dias. Então decidi comprar um tablet que pudesse ser utilizado para mais do que só consumir conteúdo e fui na loja de eletrônicos no qual gosto de ir, encontrei o Slider de promoção por R$1400,00! Comprei na hora! Então agora tenho um computador desktop para trabalhar/estudar/jogar (Bem mais potente e barato que um notebook do mesmo porte) em casa e na faculdade levo o Slider que é suficiente para anotar/desenhar minhas aulas desde fisicoquímica a bioquímica. PS: Estou pensando em comprar uma caneta para tablets e também aposentar de vez meu caderno =)
  • OBJETIVO, 10 Dennis Nascimento em 14/12/2011 às 18:21 Sem sombra de dúvidas seria uma otima escolha pra quem gosta da portabilidade de um note com as funcões de um tablet, ou vice-versa. Se vier para o Brasil eu compro, não ligo pra peso, até pq ninguem saiu pra rua com um tablet (sai?) e se saisse o Asus Eee Pad Slider serviria pra ambas as partes, pra usar em casa, ou no escritório, na faculdade, dependendo de onde vc quer usar. Além do mais o software não deixa a desejar, nem a tela, nem a bateria. Eu como não ligo pra detalhes frescos como design/peso pra mim vale a pena. Lembrando que seria obvio que o peso seria um ponto negativo né, acho que quem comprar já vai ter isso em mente.
  • nao gostei, 6 thiago alvim em 14/12/2011 às 16:04 bom achei massa esse ai , mais pelo preço eu com 1000 reais compro um nootbook aqui em goiania da marca philco nootbook em 3D com oculos gratis , de 4 giga de ram ddr3 e 500 de hd , esse tablet ta muito caro nao vale muito a pena a pagar pra ele nesse preço aqui no brasil nao , mais fora do brasil sai mais em conta
  • legal, 10 Nicolas em 14/12/2011 às 13:54 eu gostei desse tablet notebook mesmo sendo aprovado ou reprovado eu gostei!
  • tablet, 10 tiago em 14/12/2011 às 13:47 o que é ruim é que ele é mais caro que o transformer agora da questao do trackpad é só colocar um mouse na entrada usb e pronto eu gostei do modelo
  • Ele poderia ser melhor., 8 Jean em 14/12/2011 às 13:37 Eu quando fui comprar o Asus EP121 i5 470Um // 4GB RAM // SSD 64GB // Windows 7 Ultimate X64 eu testei o EEE Pad Slider e o Transformer e o seu principal ponto fraco foi nas portas USB, pois não reconhecia o meu HD Externo e o Leitor de DVD externo, o Asus EEE Pad Transformer é muito melhor nos requesitos citados acima e o Asus EP121 pra mim é igual a um notebook e chegou a substituir completamente ele em Geral. Para quem quer um tablet que não seja para trabalhar poderá comprar o Slider sem sombras de dúvidas.
Avaliação do usuário:com base em 8 opiniões 90