Pepsi afirma que seu refrigerante pode dissolver um rato

Empresa usou tal alegação como defesa em um processo que foi redigido por um cliente, que afirma ter encontrado um rato dentro da lata do refrigerante Mountain Dew.
  • Visualizações30.996 visualizações
Por Thiago Szymanski em 3 de Janeiro de 2012

Pepsi afirma que seu refrigerante pode dissolver um rato

A Pepsi está sendo processada por um homem de Illinois, nos Estados Unidos, que supostamente encontrou um rato dentro do seu refrigerante. Isso já poderia ser suficientemente desagradável se não fosse a defesa da empresa, que alegou que se realmente houvesse um rato dentro da bebida, o consumidor nunca iria saber.

O responsável pelo processo, Ronald Ball, disse que em 2009 ele bebeu um refrigerante de uma máquina de vendas. Logo em seguida começou a passar mal e vomitar. Ele não sabia o que havia ocasionado o problema, até que ao abrir a lata ele retirou o corpo de um rato de dentro dela.

Após esse episódio, Ball ligou para o serviço de atendimento da empresa e contou sua história. Um funcionário da Pepsi teria então recolhido o rato para análise. Quando ele pediu o rato de volta para usar como prova no processo, a empresa afirmou que o corpo do animal havia se decomposto e, portanto, não poderia ser usado como evidência.

Dessa forma, a Pepsi alegou durante o julgamento que, se o caso fosse verdade, o corpo do animal teria simplesmente se dissolvido dentro da lata, antes que Ball sequer tivesse tido contato com ela. Ou seja, Ronald Ball teria bebido um rato gelatinoso e não teria notado.



Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Colabore com o autor clicando aqui!