Como usar o PayPal

Neste artigo você vai conhecer o serviço de pagamento online mais usado no mundo. Comprar pela internet pode ser bastante seguro, confira!
  • Visualizações107.273 visualizações
Por Caroline Hecke em 25 de Janeiro de 2011

PayPal é uma empresa que oferece serviços online de transferência de dinheiro. Ele pode ser utilizado entre pessoas físicas e jurídicas, dispensando totalmente qualquer trâmite de transferências ou boletos bancários: tudo o que você precisa é ter um cartão de crédito internacional ou nacional (Visa - não Visa Electron - ou Diners).

O sucesso do PayPal pode ser comprovado por seus números: atualmente o serviço está disponível em 190 países e conta com 24 moedas correntes. O sistema tem cadastrado um número impressionante de usuários, com mais de 220 milhões de contas ativas.

Parte deste fenômeno se deve ao nível de segurança do sistema de pagamentos. Os serviços da empresa são considerados extremamente confiáveis, fazendo com que a empresa seja líder absoluta em seu segmento.

Entendendo o PayPal

Para quê serve?

Ok, então o PayPal serve para fazer pagamentos online, mas como isso se encaixa no dia a dia? A resposta é simples: usuários do serviço podem fazer compras em qualquer parte do mundo, assim como podem vender qualquer produto, para qualquer país, sem qualquer tipo de transtorno.

Como usar o PayPal

Se você, por exemplo, deseja comprar algum objeto decorativo para a sua casa de uma loja online indiana, basta verificar se o vendedor aceita o PayPal como forma de pagamento e fazer login no sistema, confirmando a compra. Assim, você não precisa digitar dados de seu cartão de crédito em um site desconhecido.

Como funciona?

O sistema é bastante simples: você faz a compra e realiza o pagamento por meio do sistema online. O PayPal envia a cobrança para o seu banco e paga o vendedor.  Ninguém jamais terá acesso ao seu número de cartão de crédito ou qualquer outra informação pessoal. O único dado recebido pelo vendedor é o seu endereço, para que a remessa possa ser feita.

Tipos de conta

Pessoas físicas e jurídicas tem diferentes contas no PayPal. Essa diferença ocorre para que pessoas físicas tenham um limite de recebimento de transferências em cada ano. Caso você queira vender produtos usando o sistema, é preciso criar uma conta específica para vendedores.

E quais são as vantagens?

No caso de compras internacionais, o valor é debitado em seu cartão com o cálculo feito em reais, ou seja, você não paga qualquer taxa diferenciada no banco. É como se a compra tivesse sido efetuada aqui mesmo, no Brasil.

Como usar o PayPal

Se você quer fazer compras pelo eBay, o PayPal é o sistema de pagamento necessário. É realmente muito simples fazer suas compras, basta digitar seu login e senha para confirmar o pagamento.

Além de tudo, você ainda conta com um serviço exclusivo de transferência de dinheiro entre contas usando apenas o seu cartão de crédito: o beneficiário recebe o dinheiro instantaneamente, enquanto você só paga o valor no dia do vencimento de sua fatura.

E isso tudo, custa caro?

Não. O PayPal é um serviço gratuito para quem quer realizar compras pela web. Mas atenção: para alguns serviços especiais, como no caso de transferências usando cartão de crédito, existem taxas cobradas separadamente. Para quem realiza vendas, também são cobradas taxas.

Criando sua própria conta no PayPal

Para fazer a sua conta no PayPal são necessários alguns poucos passos, todos muito simples. Clique neste link e escolha o tipo de conta que deseja criar. Fazer uma conta para pessoa física ou comerciante é bastante similar, entretanto, o cadastro de usuário comum é bastante simplificado. Basta então preencher todos os campos do formulário que aparece.

Como usar o PayPal

Atenção: lembre-se de preencher corretamente seu número de telefone. Este é o meio de contato mais rápido que a equipe do PayPal disponibiliza para entrar em contato no caso de suspeita de fraude.

Assim que selecionar a opção “Concordar e criar conta”, você é levado para uma nova página. Nela, você deve registrar o seu cartão de crédito.  Esta é a única vez que você vai precisar inserir seus dados de cobrança. Após incluir estas informações, clique em “Continuar”. Caso queira apenas receber transações, pule esta etapa, selecionando a opção “Ir para a minha conta”.

Quais cartões podem ser utilizados no PayPal?

  • Cartões de crédito internacionais - exceto American Express
  • Cartões de crédito nacionais da bandeira Visa - exceto Visa Electron
  • Cartões de crédito nacionais da bandeira Diners

Como usar o PayPal

Sua conta no PayPal já está criada! Basta apenas verificar sua caixa de emails e confirmar o cadastro, clicando em “Ativar” na mensagem que é automaticamente enviada. Caso não consiga visualizar este botão, copie o código que lhe é fornecido por email e, na página do PayPal, clique em “Confirmar endereço de email” e, em seguida, em “Clique aqui se o botão não aparecer no email”. Cole o código fornecido em seu correio eletrônico.

Como usar o PayPal

Então, uma nova tela deve aparecer, pedindo para que você responda a algumas perguntas de segurança. Não pule este passo: ele é muito importante para a recuperação posterior de senhas. Agora você já pode fazer compras pela internet de qualquer lugar do mundo, usando o seu cartão de crédito de uma maneira muito segura.

Como usar o PayPal

Ao final de uma compra, basta escolher o PayPal como opção de pagamento: você será redirecionado para uma nova página, onde deve digitar seu nome de usuário e senha para confirmar a transação.

É necessário ter um cartão internacional?

Não. O PayPal trabalha com alguns cartões nacionais, como o Visa (sem ser Visa Electron) e o Diners. O Baixaki conseguiu criar uma conta no serviço utilizando um cartão de crédito nacional com a bandeira Visa, porém não chegamos a fazer compras para o teste.

Navegando em fóruns e websites, entretanto, é comum encontrar usuários que utilizam o PayPal com cartões nacionais (Visa e Diners) e conseguem fazer compras internacionais no eBay e até mesmo na rede Steam tranquilamente.

Boas Compras!



Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Colabore com o autor clicando aqui!