A Rússia é um país que surpreende, seja pelos fatos curiosos que acontecem nessa terra gelada ou por conta de algumas ideias vindas de lá. A mais recente foi divulgada no site Telegraph e indica que a nação europeia tem planos de destruir, com armas nucleares, asteroides em rota de colisão com a Terra. 

Segundo o site, cientistas dos institutos espaciais russos mais renomados se reuniram com engenheiros de mísseis e foguetes para encontrar formas de enviar tais armas ao espaço na tentativa de destruir os temidos asteroides. Tais atos estariam ligados a um programa fundado pela comissão europeia e que recebeu o nome NEOShield. 

“O trabalho foi distribuído entre vários participantes de diferentes países e organizações, e o trabalho de destruir objetos espaciais perigosos com explosões nucleares foi conduzido pela Rússia”, diz um comunicado enviado pela agência espacial russa Roscosmos. O texto ainda traz a informação de que o país europeu trabalhou com essas opções entre 2012 e 2015. 

Um dado que vale ser ressaltado é que um tratado internacional assinado em 1967 proibiu o uso de armas nucleares no espaço. Os pesquisadores russos acreditam que tal conceito pode mudar quando se trata de uma ameaça à Terra, além de mencionarem que a detonação seria feita quando o asteroide ainda estivesse bem longe do nosso planeta.

Ela não é a única 

Além dos cientistas russos, é válido lembrar que tanto a NASA quanto a National Nuclear Security Administration já exploraram a possibilidade de usar armas nucleares para destruir asteroides. Há relatos de que tal opção vem sendo estudada há algum tempo, e ambos os institutos já fizeram testes em simulações com computadores. 

Segundo informações que correm a rede, os institutos têm trabalhado em conjunto em algo do gênero e se preocupariam em usar tais armas apenas se o nosso planeta fosse ameaçado por algo medindo entre 49 e 149 metros de diâmetro – para efeito de comparação, algo com essas medidas seria considerado “assassino de dinossauros”.

E para você, tudo bem utilizar armas nucleares para destruir asteroides que ameaçam a Terra? Comente no Fórum do TecMundo