A apresentação da empresa começou com o CEO e cofundador da Netflix subindo ao palco para fazer uma pequena retrospectiva. Em seguida, o executivo apresentou dados interessantes sobre o serviço. De acordo com a empresa, em 2015, foram mais de 42 bilhões de horas consumidas através do Netflix. 12 bilhões apenas no último trimestre do ano.

Depois, algumas prévias foram exibidas apenas para o público que estava presente na conferência. O trailer de The Crown e The Get Down, as duas novas séries originais da Netflix, foram transmitidos.

Na sequência, alguns atores subiram ao palco para falar um pouco sobre as séries que protagonizam. O brasileiro Wagner Moura foi um deles, que comentou alguns detalhes sobre o seriado Narco. A protagonista de Jessica Jones também esteve presente, falando um pouco sobre a série do universo Marvel.

Perto do fim da apresentação, o CEO da empresa volta ao palco para fazer o maior anúncio da conferência. Depois de mostrar ao público um pouco sobre a expansão do serviço ao redor do globo, o executivo faz a promessa de que o Netflix vai se transformar em um serviço verdadeiramente global.

Hoje, o Netflix está presente em 60 países. Em breve, o objetivo é aparecer em um total de 130 localidades, incluindo países como a Rússia, Índia e Coreia do Sul. A exceção fica por conta da China, país que o Netflix ainda não conseguiu penetrar.

Esse foi o resumo da conferência da Netflix. Gostou do que a empresa apresentou? Não deixe de conferir a nossa cobertura completa da CES 2016.

O que você achou da apresentação da Netflix na CES 2016? Comente no Fórum do TecMundo!