Se existe um ponto negativo na popularização da conexão WiFi ao redor do mundo, ele com certeza envolve o congestionamento dessas redes, que agora têm diversos usuários "sugando" a banda ao mesmo tempo, seja em casas ou locais públicos. A empresa Ignition Labs foi até a CES 2016 para mostrar que entende desse problema e apresentar uma solução.

Trata-se do Portal, um roteador que utiliza uma tecnologia exclusiva que amplia o espectro de navegação e troca o tráfego da sua internet para um canal que esteja limpo — como se pegasse uma pista da avenida que estivesse menos congestionada. A promessa é de três vezes mais espectros garantidos e um aumento de até 300 vezes na velocidade para streaming de música e vídeo, jogos online e navegação em geral.

Ou seja, a tecnologia do Portal, que funciona na nuvem, encontra automaticamente a melhor "pista" para que a sua conexão sem fio navegue sem tráfego. Esse tipo de operação não é novidade em roteadores e serviços comerciais de internet, mas só agora uma companhia trouxe as técnicas para o consumidor comum. O objetivo da empresa não deve ser apenas vender o hardware, mas também a plataforma para que outras fabricantes tenham a função.

Rápido e rasteiro

A empresa alega que 250% mais espectros podem ser atingidos nas conexões de dispositivos com até três anos de existência, de tablets e smartphones a laptops e produtos da Internet das Coisas. Com o Portal, seis canais 802.11ac de WiFi podem ser utilizados, muito se comparado com apenas dois nos roteadores comuns.

Um app para smartphone permite que você configure e ative o Portal, além de garantir acesso a terceiros por meio de autorizações. O dispositivo custa US$ 150 (cerca de R$ 600) e será em breve disponibilizado para financiamento coletivo no Kickstarter. Por enquanto, veja as novidades do produto no site da Ignition Labs.

Você conhece dicas sobre como compartilhar sinal WiFi? Comente no Fórum do TecMundo