Normalmente, quando ficamos sabendo de novidades no campo da astronomia e da exploração espacial, a SpaceX é a primeira companhia que surge na cabeça. Porém, desta vez, foi a Blue Origin — do CEO da Amazon, Jeff Bezos — que conseguiu uma façanha e tanto.

A fabricante foi a primeira a lançar (e pousar) com sucesso um foguete vertical por duas vezes, reutilizando a mesma carcaça e seus componentes. Segundo a Blue Origin, você não pode pensar em metas como colonização espacial ou passeios suborbitais "jogando o hardware fora", ou seja, descartando foguetes que só fizeram uma viagem.

O New Shepard decolou e pousou pela primeira vez em novembro de 2015 e repetiu o feito em janeiro deste ano. No segundo voo, atingiu 101 km de altura antes de voltar para a base, que fica no Texas. Vale lembrar que a SpaceX também já realizou pousos verticais com sucesso, mas a última experiência com o foguete Falcon 9 resultou em explosão.

Além de uma intensa bateria de testes para garantir a possibilidade do segundo lançamento, algumas modificações foram realizadas, como a substituição dos paraquedas na cápsula dos passageiros (uma medida de precaução, mesmo que o teste não tenha sido tripulado), do software (que foi atualizado) e do mecanismo de ignição.

Normalmente, os testes da Blue Origin eram secretos, mas a empresa resolveu liberar alguns detalhes por conta do sucesso. Os próximos planos incluem lançamentos consecutivos de um New Shepard utilizando os novos motores BE-4.

O que você espera da exploração espacial nos próximos anos? Comente no Fórum do TecMundo