Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo]

Um aparelho intermediário para quem deseja ter um Android com bom custo-benefício.
  • Visualizações64.191 visualizações
Por Fernando Daquino em 17 de Setembro de 2013

A LG não tem poupado esforços para ganhar mais espaço no mercado de smartphones. Prova disso é a sua linha Optimus L, a qual possui modelos que abrangem diversos perfis de consumidores — desde os que querem um aparelho simplesmente barato até aqueles que podem pagar por um pouco mais de qualidade.

Um desses modelos é o Optimus L7 II, um gadget intermediário que promete um excelente custo-benefício, ou seja, recursos bacanas e relativamente avançados por um preço acessível. Confira agora como ele se saiu em nossos testes e o que achamos deste smartphone da companhia sul-coreana.

Especificações

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo] (Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

Testes de desempenho

De maneira geral, não temos do que reclamar do desempenho apresentado pelo LG Optimus L7 II. Durante nossa análise, impomos a ele uma rotina bastante puxada, mas que provavelmente você também poderá ter algumas vezes ao longo do tempo em que estiver com este aparelho.

Em suma, o dispositivo aguentou navegar pela web, exibir imagens, executar vídeos, reproduzir músicas e acessar redes sociais — tudo ao mesmo tempo — sem demonstrar lentidão ou qualquer travamento.

Além disso, o gadget mostrou ser capaz de rodar vários jogos, desde títulos mais simples (como o Temple Run 2) até games um pouco mais elaborados (incluindo o CSR Racing). Por fim, para verificar a sua performance de maneira técnica, fizemos alguns testes com dois aplicativos de benchmark renomados: Vellamo e AnTuTu.

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo]

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo]

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo]Em pontos: quanto mais, melhor. (Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

Tendo em vista a sua especificação de hardware, o Optimus L7 II pode ser considerado um concorrente, por exemplo, para o Samsung Galaxy S2 Lite, o Sony Xperia P e, mais diretamente, o Motorola Razr D3.

Se comparado com esse último, o produto da LG perde nas análises do Vellamo, mas ganha na do AnTuTu. Contudo, todos esses valores comparativos são bastante próximos, o que significa que o gadget da empresa sul-coreana possui um desempenho compatível com a sua configuração.

Aprovado

Boa pegada

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo] (Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

Foi tirar o Optimus L7 II da caixa para termos a primeira boa impressão sobre ele: o seu peso. Os 118 gramas deste aparelho garantem que você não canse ao segurá-lo por longos períodos e que seu bolso não pese tanto. Aliás, o gadget é tão leve que, às vezes, você pode até esquecer que ele está na sua calça.

Ainda no tocante à ergonomia, este smartphone da LG tem dimensões bastante “adequadas”, promovendo uma pegada bem agradável. Tanto a sua largura como a sua altura permitem que você o segure de forma muito firme, evitando quedas acidentais, mas sem exigir que precise tencionar demasiadamente as mãos e os dedos para isso.

Pequenos detalhes

Bem como pudemos conferir em nossa análise recente do Optimus L5 II, esta linha da LG conta com um acabamento qualificado, não tendo rebarbas grosseiras ou filamentos que pareçam descascar com facilidade.

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo](Fonte da imagem: Divulgação/LG)

Um dos toques de requinte do Optimus L7 II, bem como dos demais modelos dessa série, é a transposição dos LEDs indicadores de notificações, alarmes e ligações para o botão home. Assim, sempre que houver uma nova atividade no celular esse mecanismo físico fica colorido.

Tela bacana

A tela do Optimus L7 II é outro de seus recursos que merece elogios. O seu tamanho (4,3 polegadas) nos agradou bastante por um simples fato: você alcança toda a área útil do display sem precisar ficar esticando os dedos — é verdade que essa dimensão já está quase no limite para quem tem mãos pequenas, mas isso não tira o mérito da característica.

O display ainda utiliza bem o espaço disponível na carcaça, deixando bordas aceitáveis nas suas laterais, e se mostrou bem responsivo aos multitoques — apresentando ótima precisão de movimentos, o que é muito importante principalmente para quem pretende jogar nele.

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo] (Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

A intensidade de cores apresentada por este dispositivo ao reproduzir conteúdos multimídia não chega a ser exuberante como a de modelos “top” da própria LG ou de outras marcas. Porém, ela provou ser satisfatória e bem melhor do que a de seus “irmãos menores”, o Optimus L5 II e o Optimus L3 II.

A única coisa que nos incomodou um pouco foi o alto índice de reflexão do display. Isso significa que a luz de lâmpadas ou do sol, quando incidentes diretamente na tela, podem comprometer consideravelmente a visualização daquilo que está sendo exibido pelo smartphone.

Android personalizado

Uma das peculiaridades do Optimus L7 II, que na verdade está presente em todos os modelos da sua linha, é a modificação de diversos aspectos do Android. Mais do que alterar meramente planos de fundo e ícones (uma prática comum entre as fabricantes), a LG se empenhou em realizar mudanças na estrutura de menus do sistema operacional móvel da Google.

E o resultado foi satisfatório, pois promoveu uma maior facilidade na hora de encontrar algumas funcionalidades, que ficam meio escondidas na plataforma original, e implementou novas animações de transição de telas, inclusive nas homescreens.

Aplicativos exclusivos

Porém, quando o assunto é software, o que mais nos chamou atenção no Optimus L7 II é o fornecimento de diversos aplicativos exclusivos. E é por meio desses programas que este aparelho tenta ser mais do que apenas outro gadget na prateleira das lojas.

Um de seus destaques é o Quick Memo, que permite a você capturar imagens daquilo que está sendo exibido na tela do aparelho e escrever ou desenhar sobre ela. Você consegue inclusive ver as anotações salvas enquanto acessa outras funções do SO e compartilhar a sua obra de arte com seus amigos via email ou redes sociais.

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo] (Fonte da imagem: Divulgação/LG)

Outro atrativo exclusivo deste modelo é a função de foto chamada Cheese Shot. Por meio dela, você pode executar a captura de uma imagem apenas dizendo palavras pré-determinadas pelo software da câmera, como “cheese”, “smile”, “whisky” e “LG”.

E isso não é tudo. O Optimus L7 II ainda oferece o Qslide e o Qtranslator. O primeiro aplicativo deixa a janela do software em uso transparente, permitindo que você consiga acompanhar a reprodução de um vídeo em segundo plano, por exemplo. Por sua vez, o Qtranslator consiste em um tradutor de textos compatível com diversos idiomas e que se destaca por identificar palavras usando a câmera do dispositivo.

Energia para dar e vender

Se por um lado os smartphones oferecem uma infinidade de funcionalidades cada vez mais avançadas, uma coisa pode incomodar bastante quem compra o seu primeiro “celular inteligente”: o alto consumo de energia.

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo] (Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

Por isso, as baterias desse tipo de eletrônico não duram tanto o quanto gostaríamos. Contudo, nesse sentido, o Optimus L7 II não nos decepcionou. Após realizarmos um teste no qual ele executou um vídeo em tela cheia com a iluminação no máximo, obtivemos a estimativa de que o gadget seria capaz de reproduzir um pouco mais de 6 horas de gravações ininterruptamente — uma marca respeitável, diga-se de passagem.

Na prática, a bateria de 2.460 mAh deste dispositivo provou aguentar uma rotina bastante exigente. Durante nossa análise, rodamos vários benchmarks, permanecemos conectados à internet, acessamos diversas redes sociais e páginas da web, reproduzimos músicas, entre outros, e a carga de energia do gadget da LG não precisou ser reestabelecida mesmo após esse expediente pesado.

Reprovado

Fotos boas, mas nem tanto

A principal câmera do Optimus L7 II possui 8 megapixels e conta com flash embutido — uma resolução razoável para a sua categoria. Em ambientes externos e com boa iluminação natural, as fotos que tiramos com ele ficaram boas, tendo ótima nitidez e captura de cores.

Todavia, bastou sair desse cenário “perfeito” para percebermos algumas limitações desse componente do smartphone. Ao que parece, a lente e o software empregados pela câmera do Optimus L7 II não possuem as tecnologias necessárias para evitar a granulação das imagens capturadas em locais com baixa iluminação.

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo]Ampliar

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo]Ampliar (Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

Assim, este modelo da LG pode até servir para tirar fotografias convencionais, inclusive para decorar a sua mesa depois de reveladas. Contudo, ele não é um aparelho que poderá substituir a sua câmera digital.

Que chiado é esse?

O sistema de som do Optimus L7 II foi outro de seus recursos que ficou aquém da nossa expectativa. Assim como no modelo “abaixo” da linha, o Optimus L5 II, este aparelho apresentou pequenas, mas notáveis, distorções na reprodução de graves quando o volume foi elevado ao máximo.

Em contrapartida, a perspectiva tridimensional promovida pelo aparelho com o uso de fones de ouvido se mostrou satisfatória — embora não seja um primor entre os smartphones. Tal característica garante que você tenha uma boa percepção de “movimento” dos sons em vídeos e jogos. Além disso, o dispositivo tem um mecanismo de segurança que informa quando o volume está muito alto e pode causar danos à audição.

Pode faltar espaço

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo] (Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

A memória interna do Optimus L7 II é de 4 GB. Quando descontado o espaço usado pelo sistema operacional, sobra um pouco mais de 2 GB para você manter seus documentos, vídeos, músicas, fotografias, entre outros arquivos. Em outras palavras, não cabe quase nada neste modelo em sua forma “bruta”.

Para amenizar esse problema, a LG anuncia em seu site que o aparelho é acompanhado por um cartão de memória de 4 GB (ele realmente veio com o produto que testamos). Assim, você conta com 6 GB para guardar seus pertences virtuais, o que convenhamos não é um repositório satisfatório — principalmente para quem prima por qualidade de imagem ao tirar fotos e gravar vídeos.

Aparência meio sem graça

Ok, não podemos encher a boca e falar que o Optimus L7 II é um modelo feio. Porém, no quesito visual, ele é apenas mais um aparelho “bonitinho” em meio a tantos outros desse mercado e que não possui nenhum traço que atraia os olhares das pessoas que passarem pela vitrine.

A sua tampa traseira é feita de um material plástico bastante maleável, que passa a sensação de fragilidade para a sua estrutura. Além disso, ele fica marcado com a oleosidade natural da nossa pele com muita facilidade — deixando aquelas marcas de dedos grosseiras que fazem parecer com que o smartphone esteja sempre sujo.

Análise: smartphone LG Optimus L7 II [vídeo] (Fonte da imagem: Reprodução/Tecmundo)

Por fim, essa capa protetora mostrou um pouco de dificuldade para ser retirada do gadget, exigindo um pouco mais de força do que normalmente você faria em outros aparelhos e atrapalhando a manipulação da bateria, do chip SIM ou do cartão de memória.

Vale a pena?

O Optimus L7 II não possui um preço sugerido pela fabricante. Em pesquisas realizadas em sites comparativos de preços, levando em consideração apenas lojas confiáveis e renomadas, encontramos este modelo em uma faixa de preço que vai de R$ 740 a R$ 840 — o que resulta em uma média de R$ 800, mas com a maioria das lojas consultadas vendendo o aparelho a valores mais próximo dos R$ 840.

Tendo em vista esse custo e a sua configuração de hardware, é possível concluir que o Optimus L7 II é um concorrente do Motorola Razr D3, do Samsung Galaxy S2 Lite e do Sony Xperia P. A seu favor, estão bons aspectos ergonômicos, tela responsiva e com tamanho agradável, boa variedade de aplicativos exclusivos, bateria resistente e alterações no Android que promovem uma interação mais agradável.

Em contrapartida, este modelo não é um dos exemplos de “perfeição” no tocante à reprodução de conteúdos multimídia, captura e gravação de imagens, aparência atrativa ou espaço de armazenamento.

Se colocarmos seus prós e contras em uma balança, podemos dizer que o Optimus L7 II tem um bom custo-benefício. Caso o valor dele esteja na faixa de preço que você pretende gastar com o seu novo smartphone, sem dúvida, vale a pena estudar a compra deste gadget.

Você não tem tanto dinheiro, mas gostou do que viu no Optimus L7 II? Uma alternativa mais simples e barata é o seu irmão menor, o Optimus L5 II — que custa em média R$ 600.

O aparelho utilizado durante a análise foi cedido pela assessoria da LG.



Viu algum erro ou gostaria de adicionar uma sugestão para atualizarmos esta matéria?
Colabore com o autor clicando aqui!